Happy birthday! Os 4 anos do nosso Studio

ANEDOTAS DE ESCRITÓRIO PARTE 3:

 

Nova semana, novas anedotas de escritório! Novas histórias tão emocionantes quanto excêntricas para nossa diversão. Entre aventuras incríveis e originais, esta terceira e última parte ainda reserva algumas surpresas.

 

Bruno

Uma peripécia digna de uma comédia burlesca?

Bruno certamente entende disso. Durante um final de semana organizado pelo Studio, a equipe foi convidada a dormir em chalés para comemorar a “confraternização”. Todos esperavam essa reunião de fim de ano para compartilhar um momento descontraído.

Em pequenos grupos de duas ou três pessoas, não é ao acaso que o nosso cantor favorito se viu dividindo o chalé com Júlio, seu companheiro de totó, assim como Patricki, um personagem tão surpreendente quanto extravagante conhecido por todos no IMD. Um time de impacto anunciando uma noite que não poderia ser mais agitada.

Dito e feito, pois assim que chegaram no chalé, primeiro problema! Mal tinham desfeito suas malas e já notaram um defeito na fechadura eletrônica, impossível de fechá-la eletronicamente ou manualmente. Entre idas e vindas à recepção, tentativa de conserto, e período de vigia em frente ao dito chalé, nossos três amigos eventualmente conseguiram ser mudados para um outro chalé.

Com um cenário digno de filme de terror, nossos aventureiros vagam pela propriedade em completa escuridão, iluminados somente pelo brilho da lua. Pode-se pensar que este seria o fim da provação, mas a realidade é bem diferente! Nova reviravolta, a porta do novo chalé só abre por dentro, apesar de muitas tentativas frustradas. Patricki se voluntaria a ficar no quarto enquanto a nossa dupla festeira continua as festividades com os outros membros da equipe Gepetta.

Às 3 horas da manhã, os sobreviventes desta noite frenética estão a cada minuto menos numerosos, e Júlio decide enfim sair de fininho. Bruno faz a mesma coisa alguns minutos depois, bate na porta e … sem resposta! Nosso entusiasta de karaokê pisoteia na soleira da porta sem sucesso. Mas é necessário mais que isso para desencorajar Bruno, que decide se improvisar um acrobata no meio da noite para entrar pela parte de trás do chalé. Digno de uma verdadeira acrobacia Hollywoodiana, ele pula a “cerca” da varanda buscando finalmente chegar a um merecido descanso. Mas surpresa! A porta traseira também está trancada. A noite arriscava ser longa, mas depois de 30 minutos de luta, Júlio finalmente veio abrir a porta para o nosso animador. As viagens da empresa também podem ser assim, excursões com 1001 aventuras!

 

Milton

Uma anedota que mais uma vez compromete o sotaque francês. Sim, podemos dizer que a pronúncia brasileira pode se mostrar uma verdadeira provação para nós franceses “Gepettos”.

Milton, nosso diretor de criação, experimentou essa dificuldade de compreensão de linguagem com a qual somos confrontados às vezes. Na ocasião de um projeto extremamente importante, ele precisou ilustrar uma variedade de personagens de diferentes etnias. Durante a aprovação, nosso diretor geral, o francófono da equipe, levantou uma certa questão sobre um dos personagens ilustrados que não lhe parecia bastante “maluco”.

Completamente espantados e para surpresa de todos, nossos ilustradores voltam a trabalhar em cima do personagem sem entender exatamente essa observação. Depois de várias tentativas, nenhuma das novas propostas do “maluco” corresponde à imagem que nosso francês faz desse personagem. Nosso diretor geral acaba perguntando se nossos criativos realmente entendem o termo “maluco”. Em uma risada geral, cada um finalmente percebeu que se tratava de uma má pronúncia. Ele quis dizer um personagem do “Marrocos” e não “maluco”, um detalhe na linguagem oral que é difícil de perceber, mas que pode, no entanto, tomar um rumo muito diferente! Um mal-entendido à francesa do jeito que a gente gosta.

 

Patricki

Não há anedota para Patricki, pois é um personagem original, mas tivemos que destacá-lo. Sua aparência e seu temperamento excêntrico fazem dele um excelente animador que merece ser conhecido.

Quem se esconde atrás desse cabelo azul-acinzentado rebelde e suas pantufas em forma de patas de lobisomem?

Pequenos hábitos extravagantes que fazem do nosso Patricki uma verdadeira “autoridade” dentro da Metrópole Digital. Este personagem extremamente atípico soube seduzir nossa equipe, graças a uma loucura que resume toda a criatividade do nosso studio. Se seu visual passar despercebido, nosso animador possui outros truques na cartola!

Se prestarem atenção, vocês certamente poderão perceber o colar de prata do qual Patricki nunca se separa, e por um bom motivo! Nosso fã de “Desireless” tem a capacidade de sentir as energias ao seu redor. Uma sensibilidade que forja esta alma generosa e atípica, um ser único que amamos pela sua desconcertante naturalidade. Se você passar pela sala de criação, não se surpreenda ao vê-lo dançando sozinho à sua mesa de trabalho com a música « Voyage, Voyage » tocando ao fundo. Vocês entenderam, o Studio Gepetta é a mistura de culturas e personalidades para uma combinação explosiva!

 

Dessa forma terminamos a última parte das anedotas de escritório para completar este mês de aniversário em grande estilo. Uma amostra bem reveladora da atmosfera atípica do nosso studio. Estamos finalmente prontos para um ano que se abre a novos horizontes e que, esperamos, nos reservem muitas peripécias e aventuras made in Gepetta!